31.12.12

Eternamente Titãs


Titãs é uma banda de rock brasileira formada em São Paulo, em 1982. Ativa há trinta anos, tornou-se uma das quatro maiores bandas do BRock, ao lado de Legião Urbana, Os Paralamas do Sucesso e Barão Vermelho. Algumas de suas músicas de maior sucesso são Sonífera Ilha, Flores, Polícia, Família, Comida, O Pulso, Go Back, Domingo, Enquanto Houver Sol, Homem Primata, Bichos Escrotos, Cabeça Dinossauro, Pra Dizer Adeus, Marvin, AA UU, Epitáfio, Diversão e Porque Eu Sei Que é Amor.

Formação e primeiros trabalhos
A maioria dos integrantes da banda se conheceu no Colégio Equipe, em São Paulo, no final da década de 1970 e, a partir de uma apresentação na Biblioteca Mário de Andrade no ano de 1981, passaram a fazer shows em várias casas noturnas da cidade, com o nome Titãs do Iê-Iê.
Antes do surgimento dos Titãs do Iê-Iê, os integrantes da banda já tocavam em vários grupos. Arnaldo Antunes e Paulo Miklos eram parte da banda Performática; Nando Reis era percussionista da banda Sossega Leão; Branco Mello, Marcelo Fromer e Tony Bellotto formavam o Trio Mamão e as Mamonetes, que chegou a se apresentar na televisão, num programa em que Wilson Simonal, após a apresentação dos 3 garotos, disse que eles precisavam evoluir, e que tinham um gosto mais moderno. Sérgio Britto e Marcelo Fromer também chegaram a se apresentar no Chacrinha, sendo "gongados" cantando a música "Eu Também Quero Beijar", sucesso de Pepeu Gomes.
O primeiro show dos ainda Titãs do Iê-Iê ocorreu no dia 28 de setembro de 1982, no SESC Pompeia, descrito pelo hoje baixista e vocalista da banda Branco Mello como uma "sessão maldita", pois teria começado muito tarde, após a meia-noite. No início, a banda contava com visual extravagante, com penteados estranhos, maquiagens e ternos coloridos e gravatas de bolinhas. Além disso, a primeira formação contava com 9 integrantes, sendo eles Arnaldo Antunes, Branco Mello, Marcelo Fromer, Nando Reis, Paulo Miklos, Sérgio Britto, Tony Belloto, Ciro Pessoa e André Jung, dos quais 6 deles eram vocalistas. Arnaldo, Ciro e Branco eram apenas vocalistas. Sérgio Britto cantava e tocava teclado em algumas músicas. Paulo Miklos e Nando Reis se revezavam no baixo e cantavam, Tony e Marcelo tocavam guitarra e violão respectivamente e André Jung tocava bateria.

O primeiro álbum
Em 1984, Ciro Pessoa decide sair da banda. Logo depois, assinam com a gravadora WEA e gravam seu primeiro disco, agora com o nome oficial de Titãs, retirando o Iê-Iê, que causava problemas na fala de apresentadores de rádio e casas de show, pois sempre era confundido com Iê-Iê-Iê, vertente da qual se originou a Jovem Guarda.
Nesse disco homônimo estão grandes sucessos da banda como "Sonífera Ilha", que foi em 1984 a música mais tocada nas rádios brasileiras, rendendo à banda diversas apresentações em programas do Raul Gil e Chacrinha.
Nesse mesmo disco, os Titãs colocaram nas rádios a música "Toda Cor", além de uma das mais importantes da história da banda: "Marvin". Embora ela faça parte desse disco, não fez sucesso naquele momento, fato que ocorreria quatro anos mais tarde, quando os Titãs lançaram uma versão mais técnica e melhorada da música. O mesmo fato aconteceria com outra faixa do disco, Go Back.

Sai André Jung, entra Charles Gavin
Após um show no Rio de Janeiro, no final de 1984, os Titãs decidiram substituir o baterista André Jung por Charles Gavin. Há tempos a banda não estava satisfeita com a forma com que André tocava e, conforme a insatisfação com ele aumentava, crescia também a admiração por Charles Gavin, baterista que estava naquele momento ensaiando com o RPM, e que também já tinha feito parte do grupo Ira!. A notícia de que seria substituído na banda não agradou André, pois ele pretendia passar o ano novo com sua namorada no Rio de Janeiro e celebrar o sucesso da canção "Sonífera Ilha". Com a decisão da banda, André voltou para São Paulo e dois dias depois entrou para o grupo Ira!. Outro músico que não ficou satisfeito foi Paulo Ricardo, que descobriu que Charles Gavin tinha saído do RPM ao assistir um programa de TV, que mostrava a preparação do Titãs para um show, já com Charles entre seus integrantes. Este fato deixou um clima tenso entre o baixista e vocalista do RPM e o novo baterista dos Titãs.

O disco Televisão
Os Titãs gravaram seu segundo disco em 1985, Televisão, produzido por Lulu Santos. O disco serviu para colocar a faixa-título nas rádios, além das músicas Insensível, O Homem Cinza, Massacre e Dona Nenê. A banda ainda não conseguia colocar no disco todo o peso que tinha no palco e, além disso, a produção de Lulu Santos não agradou muito ao octeto. A ideia do LP, de que cada faixa representasse um canal televisivo, também contribuiu para o fato de que o disco não tivesse uma unidade maior. As vendas foram bastante modestas. Cerca de 25 mil exemplares foram vendidos.


Chegada ao estrelato
Em novembro de 1985, Tony Bellotto e Arnaldo Antunes foram presos (o primeiro por porte e o segundo por porte e tráfico de heroína). Bellotto foi libertado sob fiança. Arnaldo Antunes, por sua vez, permaneceu atrás das grades por mais tempo, sendo libertado após um mês. O episódio teve um grande impacto na banda. Ofertas de shows escassearam e os Titãs perderam sua aura de "inocência" diante da mídia.
Após esses acontecimentos, os Titãs entraram novamente em estúdio, cuja principal mudança veio na parte da produção do disco, que ficou a cargo de Liminha, o principal produtor da época. As relações entre a banda e o produtor não eram das melhores, devido a uma declaração de Branco Mello de 1985 em que dizia que "todos os discos que Liminha produzia pareciam iguais" e também "que era bom mesmo que Liminha não produzisse a banda". O produtor, ao saber disso, não perdeu a chance de jogar as declarações na cara da própria banda, antes de aceitar assumir o projeto. Após o mal-entendido, o grupo e o produtor iniciaram uma grande parceira, que também se repetiria nos próximos três discos da banda. Liminha conseguiu fazer com que a banda colocasse em disco todo o peso dos shows. Também foi o primeiro produtor que realmente teve coragem de sugerir mudanças em algumas faixas, coisa que até aquele momento a banda não aceitava.
Em junho de 1986 é lançado o terceiro álbum da banda, Cabeça dinossauro. O disco mostrou a banda com uma sonoridade mais agressiva, visto as influências da cultura punk em letras contundentes que não poupavam as principais instituições da sociedade brasileira ("Estado violência", "Polícia", "Família" e "Igreja"). A canção "Igreja" chegou a causar discordância na banda: enquanto a maior parte dos integrantes considerava a canção genial, Arnaldo Antunes não se sentia bem com os versos "Eu não gosto de padre, eu não gosto de madre, eu não gosto de frei... Eu não entro na igreja, não tenho religião...". Também havia divergências religiosas entre dois integrantes: Arnaldo sempre declarou acreditar em Deus, ao contrário do baixista Nando Reis (autor da canção), que sempre se declarou ateu. Devido a isso, sempre que a canção era tocada, o vocalista se retirava do palco, em um silencioso protesto.
Devido ao tom agressivo, Cabeça dinossauro foi praticamente barrado nas rádios e na televisão, porém a situação começava a mudar. Após um começo de turnê desapontador (shows para 30 ou menos pessoas), as apresentações cada vez mais agressivas passaram a atrair milhares de pessoas. O marketing espontâneo não demorou muito e, por fim, os Titãs ganharam seu primeiro disco de ouro. Sem outra alternativa, as emissoras se renderam ao sucesso e começaram a tocar. Algumas se davam ao luxo de pagar multas para tocar as faixas censuradas, como "Bichos Escrotos".

Um novo caminho
"Cabeça Dinossauro" abriu várias portas para os Titãs. Além do aumento do número de shows, do cachê e da atenção da mídia em cima do trabalho do grupo, a última faixa do disco abriu portas para uma nova sonoridade que seria muito utilizada no disco seguinte da banda. "O quê?", 13º faixa do álbum, foi gravada de forma diferente das demais do disco. Nela foram utilizados samplers, além de bateria eletrônica. Sua gravação durou uma semana, e o resultado agradou tanto à banda quanto aos fãs.

No centro das atenções
Era dessa forma que os Titãs estavam no ano de 1987. O último disco era aclamado por público, crítica e artistas de várias estirpes da música, como Caetano Veloso e Legião Urbana.
A glória e a descoberta de novos caminhos sonoros estimulou a banda a entrar em estúdio para gravar seu 4º disco, Jesus não tem dentes no país dos banguelas. Curiosidade: os lados A e B do LP foram batizados de Lado J e Lado T, para que o público não ouvisse automaticamente o lado onde estariam apenas os grandes sucessos. A utilização de samplers e bateria eletrônica foi constante nas primeiras 7 faixas do disco, causando grande revolução sonora. Dentre as faixas, destacam-se a faixa-título, Diversão, Corações e mentes e Comida, enquanto as outras seguiam a linha ditada pelo disco anterior, como em Lugar Nenhum, Nome aos Bois e Desordem.
O disco seguiu o ritmo de vendas do disco anterior, e colocou de vez os Titãs entre as grandes bandas nacionais, graças ao sucesso da parceria com Liminha. O produtor chegou a ser considerado o "9º titã", devido às participações em shows do grupo paulista.
Após algumas apresentações internacionais, a banda gravou ao vivo uma seleção de músicas antigas e lançou o álbum "Go Back", em 1988.
O auge da parceria Titãs-Liminha consolidou-se em "Õ Blésq Blom", lançado em setembro de 1989, uma das produções mais populares até então. Seus principais sucessos eram "Miséria", "Flores", "O Pulso" e "32 Dentes". Um dos destaques curiosos deste trabalho foi a participação especial do casal de repentistas pernambucanos Mauro e Quitéria, descobertos pela banda numa praia de Recife.

As primeiras mudanças
Lançado em 1991, na baixa do mercado fonográfico brasileiro oriunda da crise econômica do governo Fernando Collor de Mello, "Tudo ao Mesmo Tempo Agora" foi um baque para os críticos, defensores incondicionais da banda.
O disco marca uma retomada da estética de "Cabeça Dinossauro", no entanto mais cru, com mixagem irregular e canções escatológicas. Num arroubo de confiança, os próprios integrantes produziram o disco e o fracasso comercial do trabalho foi possivelmente o estopim para a saída de Arnaldo Antunes, que passou a se dedicar a uma carreira solo.
"Titanomaquia" de 1993 continuou o trabalho anterior, com uma instrumentação "pesada" e letras escatológicas, mas com a novidade de contar com a produção de Jack Endino, produtor de bandas importantes como o Nirvana, Soundgarden e Skunkworks, 3° álbum solo de Bruce Dickinson, vocalista do Iron Maiden. A mídia se mostrou mais receptiva, mas as vendagens continuaram modestas.

Inicio da nova fase
Após passar o ano de 1994 de férias, os Titãs voltaram em 1995 para lançar um novo disco. Domingo trouxe um Titãs menos escatológico, porém com um som ainda pesado. O disco serviu para que a banda acabasse com os rumores de que iria se separar. Nesse disco, os Titãs fizeram sua primeira cover.

A Era Acústico MTV
Em 1997, para comemorar os 15 anos de carreira, a banda aceitou participar do projeto Acústico MTV. O CD e vídeo, gravado no Teatro João Caetano, no Rio de Janeiro, chegou ao impressionante número de 1,7 milhões de cópias, mostrando um lado desconhecido do grupo: os sete integrantes, junto com o produtor Liminha, tocando instrumentos desplugados, em ritmo menos barulhento.
Além de ser o Acústico mais vendido do Brasil, também contou com grupos de cordas e metais. O disco também trouxe várias participações especiais: o cantor argentino Fito Paez e o reggaeman Jimmy Cliff, além das cantoras Marisa Monte, Marina Lima e Rita Lee. As duas últimas, gravaram sua participação em estúdio. Destaque também para o ex-titã Arnaldo Antunes, que também participou do disco na canção "O Pulso". Para a crítica e maioria dos antigos fãs, esse foi o último disco considerado bom da banda. O sucesso do disco foi bastante refletido nos dois discos seguintes.

Novos fãs, novas críticas
Aproveitando-se do sucesso do disco anterior, a banda lançou em 1998 Volume Dois, uma espécie de continuação do "Acústico", com releituras de outros sucessos e faixas inéditas. Entre os principais destaques estavam as inéditas Sua Impossível Chance e Amanhã Não Se Sabe e a releitura de Insensível, do segundo disco da banda. Porém, o boom veio com a regravação de É Preciso Saber Viver, um antigo sucesso de Roberto Carlos, que consolidou o ótimo desempenho do álbum, que chegou a 800 mil cópias. A crítica mostrou-se menos receptiva, chegando a alegar que a banda teria se vendido ao mercado.
A banda recebeu o Troféu Imprensa do mesmo ano, como Melhor Conjunto Musical de 1998.
Em 1999, veio o disco As Dez Mais, o primeiro trabalho inteiramente não-autoral. Com dez faixas, sendo regravações de cantores como Tim Maia, Roberto Carlos e Raul Seixas, e bandas como Legião Urbana e Ultraje a Rigor.
"As Dez Mais" também teve sucesso de vendas, com 500 mil cópias, porém a crítica reviveu sua virulência dos tempos de Tudo Ao Mesmo Tempo Agora. A maior parte das críticas foi contra a regravação de Pelados Em Santos, sucesso dos Mamonas Assassinas que ajudou a alavancar as vendas dos Titãs. Outros também disseram novamente que a banda havia "se vendido" ao mercado.

A morte de Marcelo Fromer
Em 2001, os Titãs assinaram com a Abril Music e estavam prestes a iniciar a gravação de mais um trabalho. Porém, no dia 11 de Junho de 2001, o guitarrista Marcelo Fromer foi atropelado por uma moto em São Paulo e morreu dois dias depois.
Pensou-se na época que a morte de Fromer seria o fim da banda. João Augusto, então diretor da Abril Music, chegou a declarar que concordaria com qualquer decisão, caso a banda anunciasse uma possível separação. Porém, eles decidiram seguir em frente.



A vida sem Fromer
Fromer era o responsável pela guitarra base da banda. Com o início das gravações de A Melhor Banda de Todos os Tempos da Última Semana, houve dúvidas sobre a gravação: Tony Bellotto, guitarrista solo, pensou em gravar todas as guitarras do disco, porém mudou de ideia. Chegou-se a propor que Paulo Miklos e Branco Mello se revezassem no instrumento, porém a decisão final foi convidar o músico Emerson Villani, que já tinha tocado com a banda durante alguns shows e turnês, inclusive substituindo Marcelo no ano de 1998, quando ele foi convidado para comentar a Copa do Mundo FIFA de 1998 pelo canal SporTV.
O repertório permaneceu inalterado: as 16 faixas já haviam sido escolhidas antes da morte de Fromer.
Seus principais sucessos foram as canções "A Melhor Banda de Todos os Tempos da Última Semana", "O Mundo é Bão, Sebastião!", "Epitáfio" e "Isso". Esta penúltima foi o maior sucesso dos Titãs em 2002.
Agenda cheia, grandes premiações, grande sucesso, porém uma pessoa não estava em sintonia com as alegrias e ambições futuras da banda.

A saída de Nando Reis
Nando Reis, o baixista, declarou em 2002 que não se sentia preparado para gravar mais um disco com a banda, alegando que as mortes do guitarrista Marcelo Fromer e também da cantora Cássia Eller, grande amiga do músico, ainda o abalavam muito.
Na ocasião, a saída foi oficializada, ainda que o baixista nunca tenha dito aos companheiros que estava pulando fora. O processo de separação já existia desde 1993, quando Nando não conseguiu se adaptar ao estilo pesado do disco Titanomaquia, ao mesmo tempo que gravava com artistas da MPB.
No dia 9 de setembro, a banda e o músico lançaram comunicados no site oficial falando sobre as razões da separação.

Agora um quinteto
Em 2003, os Titãs lançaram o disco Como estão vocês?. O disco não vendeu tanto quanto o último, porém seguiu a linha pop/rock, que a banda assumira no disco anterior. O álbum conseguiu emplacar quatro sucessos, "Eu não sou um bom lugar", "Enquanto houver sol", "Provas de amor'" e "Vou duvidar. Recentemente, em 2005, lança o terceiro disco ao vivo de sua história, e o primeiro gravado no Brasil, "MTV Ao Vivo", com algumas músicas dos 25 anos de história da banda e com as inéditas "Vossa Excelência" (composta em meio ao Escândalo do Mensalão), "Anjo Exterminador" e "O Inferno São Os Outros".
É inegável que os Titãs, graças a seus discos clássicos da segunda metade dos anos 1980, têm lugar de destaque na história da música popular brasileira da segunda metade do século XX, bem como continuam influenciando bandas contemporâneas.
Jovens artistas brasileiros que se destacam por seu conteúdo "engajado" e letras "inconformistas" são também corriqueiramente associados aos Titãs, principalmente da fase Cabeça Dinossauro.
Em 2007, os Titãs completam 25 anos de carreira, comemorados com uma série de shows junto com os Paralamas do Sucesso, que também completam 25 anos de carreira. A série de shows, que se estendeu pelo ano de 2008, culminou em um espetáculo realizado na Marina da Glória, Rio de Janeiro, em janeiro de 2008, e lançado em CD e DVD intitulado Paralamas e Titãs: Juntos e Ao Vivo.
Em 2009, Branco Mello confirma no site oficial dos Titãs a estreia, em fevereiro, do filme A Vida Até Parece uma Festa. Exibido no circuito paulistano, o filme dirigido por Branco Mello e Oscar Rodrigues Alves recebeu elogios da crítica especializada; especialmente da Revista Veja que deu três estrelas para o documentário. No dia 01º de Outubro de 2009, o documentário é eleito o melhor do ano na categoria Filme/Documentário de música do VMB.

Novos projetos
Após 6 anos sem lançar um disco de estúdio (o mais longo período da carreira da banda), na primeira quinzena de junho de 2009 foi lançado Sacos Plásticos, produzido por Rick Bonadio e lançado por sua gravadora, a Arsenal Music (com distribuição da Universal Music). O disco marca a entrada da banda em um novo selo, depois de seis anos pela Sony BMG.
Bonadio ficou conhecido por produzir bandas de hardcore, popcore e, recentemente, emocore, como as bandas Charlie Brown Jr., Tihuana, CPM 22, Hateen, NX Zero, Fresno, Strike entre outras. Além disto, também foi produtor dos extintos Ira! (nos álbuns Acústico MTV e Invisível DJ) e Mamonas Assassinas (sendo apelidado por eles de "Creuzebek").
Os dois primeiros singles do disco são "Antes de Você" e "Porque Eu Sei Que é Amor", ambas na voz de Paulo Miklos. As canções foram incluídas nas trilhas sonoras de duas telenovelas da Rede Globo: Caras & Bocas (19h) e Cama de Gato (18h), respectivamente. A trama das 18h ainda tem como tema de abertura "Pelo Avesso", do disco Como Estão Vocês? (2003), na voz de Sérgio Britto.
A banda dispensou seus músicos de apoio, tornando-se apenas um quinteto. Branco Mello, vocalista, assume o baixo em definitivo (em outras turnês, Branco tocava apenas em algumas músicas). Sérgio Britto, tecladista e vocalista, também se divide entre o teclado e o baixo. O também vocalista Paulo Miklos, por sua vez, assume a guitarra rítmica. Tony Bellotto e Charles Gavin continuam como, respectivamente, guitarrista solo e baterista.
Sacos Plásticos foi o disco da banda que contou com o maior número de videoclipes em toda a história dos Titãs. Ao todo, foram 5 clipes; Antes de Você, Porque Eu Sei Que é Amor, A Estrada, Amor Por Dinheiro e Quanto Tempo (a ser dirigido pela atriz Malu Mader, esposa de Tony Bellotto).

Saída de Charles Gavin e turnê Sacos Plásticos
No dia 12 de fevereiro de 2010, os Titãs anunciaram em seu site oficial que o baterista Charles Gavin estaria deixando a banda por motivos pessoais. Os outros quatro músicos continuarão com seus compromissos relacionados à turnê do álbum Sacos Plásticos, e o baterista contratado para acompanhar a banda é Mario Fabre. Segundo o guitarrista Tony Bellotto, Charles Gavin saiu da banda porque "É difícil envelhecer num grupo de rock".
Dias após a esse comunicado, Gavin disse em entrevista, que sua saída já estava acertada desde a pré-produção do álbum Sacos Plásticos e durante a turnê com Os Paralamas do Sucesso. Um dos problemas de Charles, foram sintomas de pânico e depressão, além do grande desgaste de 25 anos de turnês. Gavin pensou em se licenciar durante a Sacos Plásticos Tour (2009-2010), mas disse que não dava pra ficar longe dos Titãs com tantos compromissos.

Rock In Rio IV, Futuras Instalações e 30 Anos de Carreira
No dia 23 de Setembro de 2011, ao lado d'Os Paralamas do Sucesso, a banda participou do show de abertura da quarta edição do Rock in Rio, no palco princial. O show contou com a abertura de Milton Nascimento, ao lado de Tony Belloto e da Orquestra Sinfônica Brasileira, tocando Love Of My Life, do Queen. O show também contou com a participação de Maria Gadú. No dia 2 de Outubro de 2011, a banda se apresentou no palco sunset do festival ao lado da banda portuguêsa Xutos & Pontapés.
Logo após a essas apresentações, é encerrada a Sacos Plásticos Tour, que durou dois anos e deu lugar ao novo show Futuras Instalações. A nova turnê nada mais é que um teste para novas canções que estarão no novo álbum da banda, previsto para 2012/2013, além da banda tocar alguns clássicos.
Além do novo álbum e da nova turnê, está previsto para este ano, o show Cabeça Dinossauro, onde a banda irá executar o clássico lançado em 1986 na integra, o retorno a gravadora Warner Music, com o relançamento da discografia da banda lançada entre 1984 e 1999, e uma turnê comemorativa de 30 Anos de Carreira, com a presença de Arnaldo Antunes, Nando Reis e Charles Gavin, ex-integrantes da formação clássica dos Titãs. O show foi confirmado por Paulo Miklos antes de uma apresentação em Manaus. Em São Paulo, cidade natal da banda, o show de celebração dos 30 anos ocorreu no Espaço das Américas, na Barra Funda, na noite de 6 de outubro de 2012.


Integrantes
Formação atual
Branco Mello - vocal e baixo
Paulo Miklos - vocal, guitarra e saxofone
Sérgio Britto - vocal, teclado, e baixo
Tony Bellotto - guitarra

Músico de apoio
Mario Fabre - bateria (2010-presente)

Ex-integrantes
Ciro Pessoa - vocal (1982 – 1983)
André Jung - bateria (1982 – 1984)
Arnaldo Antunes - vocal (1982 – 1992)
Marcelo Fromer - guitarra (1982 – 2001)
Nando Reis - vocal e baixo (1982 – 2002)
Charles Gavin - bateria e percussão (1985 – 2010)

Ex-músicos de apoio
Liminha - Violão e Baixo acústico - Turnê "Acústico MTV" (1997-1998)
Emerson Villani - guitarra, violão e vocais - Turnês "Volume Dois" (1998-1999), "A Melhor Banda", "Como Estão Vocês" e "Ao Vivo" (2001-2006)
Marco Lobo - Percussão - Turnê "A Melhor Banda" (2001-2003)
Lee Marcucci - baixo - Turnês "A Melhor Banda", "Como Estão Vocês" e "Ao Vivo" (2002-2009)
André Fonseca - guitarra, violão e vocais - Turnê "Ao Vivo" (2006-2009)


Discografia
Álbuns
1984 - Titãs
1985 - Televisão
1986 - Cabeça Dinossauro (Relançado em 2012)
1987 - Jesus Não Tem Dentes no País dos Banguelas
1988 - Go Back (ao vivo)
1989 - Õ Blésq Blom
1991 - Tudo ao Mesmo Tempo Agora
1993 - Titanomaquia
1994 - 84 94 (Um)
1994 - 84 94 (Dois)
1995 - Domingo
1997 - Acústico MTV Titãs (ao vivo)
1998 - Volume Dois
1999 - As Dez Mais
1999 - Sempre Livre Mix - Titãs e Paralamas Juntos ao Vivo
2001 - A Melhor Banda de Todos os Tempos da Última Semana
2003 - Como Estão Vocês?
2005 - MTV ao vivo Titãs
2008 - Paralamas e Titãs Juntos e Ao Vivo
2009 - Sacos Plásticos
2012 - Titãs e Xutos e Pontapés - Ao Vivo no Rock in Rio
2012 - Cabeça Dinossauro Ao Vivo 2012


Fonte: Wikipédia  




29.12.12

Os 20 maiores serial killers da história


Elizabeth Báthory (Hungria - mais de 500 mortes)
Erzsébet Báthory (7 de agosto de 1560 — 21 de agosto de 1614), em português Elisabete ou Isabel Báthory, foi uma condessa húngara da renomada família Báthory que entrou para a História por uma suposta série de crimes hediondos e cruéis que teria cometido, vinculados com sua obsessão pela beleza. Como consequência, ela ficou conhecida como "A condessa sangrenta" e "A condessa Drácula".

Biografia
Nascimento e família
Isabel Báthory nasceu em Nyírbátor, que então fazia parte do Reino da Hungria, território hoje pertencente à República Eslovaca. A maior parte de sua vida adulta foi passada no Castelo Čachtice, perto da cidade de Vishine, a nordeste do que é hoje Bratislava, onde a Áustria, a Hungria e a Eslováquia se juntam. Os Báthory faziam parte de uma das mais antigas e nobres famílias da Hungria.
Era filha do barão George de Báthory, do ramo Ecsed, irmão do príncipe András da Transilvânia.
Isabel cresceu em uma época em que os turcos conquistaram a maior parte do território húngaro, que servia de campo de batalha entre os exércitos do Império Otomano e a Áustria dos Habsburgo. A área era também dividida por diferenças religiosas. A família Báthory se juntou à nova onda de protestantismo que fazia oposição ao catolicismo romano tradicional.

27.12.12

O lado irrepreensível



Às vezes é inevitável reprimir o lado louco e lúgubre que vive adormecido dentro de cada um de nós.
Um dia esse lado sombrio pode estar irreprimível e com ele podemos acabar descobrindo coisas fantásticas e impressionantes sobre nós mesmos.



Renato Curse             25 de fevereiro de 2.007



24.12.12

Pois é, é Natal.



Que coisa, hoje já é véspera de natal; aliás, já é quase natal...
São milhares, milhões, talvez até bilhões de pessoas envoltas, envolvidas e contagiadas por esse tal de espírito natalino.

Mas como estará sendo este natal para aquele mendigo que vi dormindo nas proximidades da Rua 25 de Março, em São Paulo?

A curiosidade é grande, mas não consigo imaginar como teria transcorrido a manhã, a tarde e esse início de noite para aquele ser humano que tantos olhos encaram com indiferença e desprezo...
Um ser humano que muito provavelmente eu vi pela última vez.

Puxa, como eu gostaria, independentemente de que forma, transformar radicalmente a vida daquele mendigo.

Logo esquecerei seu rosto, mas não me esquecerei da situação.

Aquele 22 de dezembro foi realmente marcante...

Bom e mau, bem e mal,
mas não tão mau, não tão mal e tão mau
quanto a impressão que algumas imagens me causaram...

Apesar de tudo, hoje acho que é melhor dizer,
mesmo sabendo da hipocrisia que costuma acercar esta data:
Feliz Natal.

Feliz...........in.........feliz




Renato Curse             24 de dezembro de 2.001   (20:52 h.)



22.12.12

O Mundo conspira a seu favor



“SE UM DIA TE SENTIRES 
FRACO E PEQUENO, 
LEMBRE-SE QUE TENS UM MUNDO 
FORTE E GRANDE 
PARA TE CONSOLAR.”



20.12.12

Exista!



“Existência é o tempo que temos
para mostrar ao mundo
a que viemos,
o que pretendemos
e o que significamos.

Pois então façamos valer
nossa existência!”




Renato Curse        dezembro de 2.000



18.12.12

Acredite num novo dia



“AO RAIAR DE UM NOVO DIA MUITA COISA PODE ACONTECER;
SE HOJE ESTÁS SUBMERSO EM
TRIBULAÇÕES E CONFLITOS,
LEMBRE-SE QUE AMANHÃ UM NOVO DIA
PODE LHE SORRIR E MUDAR PARA
MELHOR O RUMO DA SUA VIDA.
JAMAIS PERCA A FÉ E AS ESPERANÇAS!”



16.12.12

Eternamente Led Zeppelin




Led Zeppelin foi uma banda britânica de rock, formada em setembro de 1968, por Jimmy Page (guitarra), John Bonham (bateria e percussão), John Paul Jones (baixo e teclado) e Robert Plant (vocalista e gaita). Célebre pela sua inovação, e pelo seu som pesado orientado pelo blues-rock, o grupo é frequentemente citado como um dos grandes progenitores do heavy metal e do hard rock, embora o estilo da banda tenha sido inspirado por diversas fontes e tenha transcendido qualquer gênero musical definido.
Depois de mudar o seu nome, a banda assinou um acordo favorável com a Atlantic Records, que lhes permitiu uma considerável liberdade artística. O Led Zeppelin não gostava de lançar suas canções como singles, eles viram seus álbuns como indivisíveis e completas experiências de escuta, promovendo assim o conceito de álbum-orientado rock. Devido à guitarra pesada, bastante voltada para o blues-rock no som de seus dois primeiros álbuns, o Led Zeppelin é freqüentemente reconhecido como um dos progenitores de heavy metal e hard rock. No entanto, o estilo individualista da banda tornou-se uma grande variedade de influências, incluindo música popular, que eles incorporaram em seus dois álbuns seguintes. Seu quarto álbum, que apresenta a canção "Stairway to Heaven", está entre as obras mais populares e influentes do rock, e consolidou o status da banda como "superstars". Álbuns seguintes visaram uma maior experimentação e foram acompanhados por recordes em suas turnês, que lhes valeu a reputação de excesso. O Led Zeppelin é um dos grupos mais influentes na história do rock. Foram também os únicos a colocar todos os seus álbuns no Top 10 das paradas norte-americanas da Billboard. Embora eles permanecessem comercialmente e criticamente bem-sucedidos, na década de 1970, após o fim da banda, a agenda de shows foi limitada pelas dificuldades e circunstâncias pessoais dos membros.
Desde a morte do baterista John Bonham, em 1980, que colocou um fim na banda, o Led Zeppelin reuniu-se apenas em ocasiões especiais. A primeira delas foi em 1985, quando participaram do concerto beneficente Live Aid - com Phil Collins e Tony Thompson (Chic) na bateria. Três anos depois, com Jason Bonham na bateria, tocaram no aniversário de 40 anos da gravadora Atlantic. Em 10 de dezembro de 2007, os três membros originais do Led Zeppelin e Jason Bonham reuniram-se para um tributo a Ahmet Ertegün, fundador do selo Atlantic (morto em 2006), na O2 Arena, em Londres.
Led Zeppelin é um dos artistas que mais vendideram na história da música, diversas fontes estimam que as vendas do grupo estejam em mais de 200, ou mesmo 300, milhões de álbuns em todo o mundo. As 111,5 milhões de unidades certificadas nos Estados Unidos o classificaram como a segunda banda mais vendida nos Estados Unidos. Cada um de seus nove álbuns de estúdio alcançou o top 10 dos gráficos da Billboard nos Estados Unidos. A revista Rolling Stone os descreveu como "a maior banda de todos os tempos", "a maior banda dos anos 70" e "sem dúvida, uma das bandas mais duradouras da história do rock". Da mesma forma, o Rock and Roll Hall of Fame afirmou que a banda estava "tão influente na década de 70 como os Beatles na década anterior".


História
Formação
Em 1966, Jimmy Page juntou-se a banda de blues-rock The Yardbirds, para substituir o guitarrista Paul Samwell-Smith, Page, logo trocou o baixo pela guitarra, ele e Jeff Beck desenvolveram juntos uma guitarra de dois braços. Após a saída de Beck em Outubro de 1966, os The Yardbirds estavam cansados de tantas turnês e gravações, o grupo estava em declínio, Page queria formar um novo supergrupo com ele e Beck nas guitarras, Keith Moon e John Entwistle do The Who na bateria e baixo. Os vocalistas Steve Winwood e Steve Marriott também foram considerados para o projeto. O grupo nunca foi formado, embora Page, Beck e Moon tenham gravado uma música juntos em 1966, "Beck's Bolero", em uma sessão que também contou com o baixista e tecladista John Paul Jones.
Os The Yardbirds fizeram seu último show em julho de 1968 em Luton College of Technology, em Bedfordshire. Eles ainda estavam empenhados em fazer diversos concertos na Escandinávia, para o baterista Jim McCarty e o vocalista Keith Relf autorizaram Page e o baixista Chris Dreja a usar o nome de "The Yardbirds" para cumprir as obrigações da banda.
Originalmente a banda foi formada pelo guitarrista Jimmy Page e pelo baixista Chris Dreja em Julho de 1968 com o nome de "The New Yardbirds" de modo a conseguirem cumprir um contrato feito para a realização de concertos na Escandinávia, assinado antes do último concerto dos Yardbirds. Terry Reid recusou a oferta de Page para ser o vocalista, mas sugeriu Robert Plant, conhecido pelo seu trabalho no grupo "The Band of Joy". Junto com ele veio o baterista John Bonham. Quando Dreja saiu para se tornar fotógrafo, John Paul Jones, estimulado pela esposa, procurou Jimmy Page, a quem conhecia por terem atuado juntos como músicos de estúdio, e se ofereceu para tocar baixo na nova banda. Oferta aceita, estava formado o quarteto que viria a se transformar em uma das mais bem sucedidas bandas de rock dos anos 70.
A capa do álbum Led Zeppelin mostra o dirigível Hindenburg após incêndio.
Após alguns concertos como "The New Yardbirds", a banda mudou o nome para Led Zeppelin. Esse nome surgiu depois que Keith Moon e John Entwistle comentaram que um "supergrupo" contendo eles dois, Jimmy Page e Jeff Beck (que era a ideia original de Page) cairia como um "balão de chumbo" (do inglês "lead zeppelin"). A palavra "lead" é propositadamente mal escrita para que a pronúncia correta seja usada (também poderia ser lida como "lid", que lhe daria outro significado).


Primeiros anos (1968-70)
Pouco tempo depois, em 14 de novembro de 1968, a banda anunciou seu novo nome e fez sua primeira apresentação na Universidade de Surrey, em Guildford, em 25 de Outubro de 1968, o grupo editou o seu primeiro álbum Led Zeppelin em 1969. Esse álbum resultava de uma combinação entre o blues, o rock e influências orientais com amplificações distorcidas, o que o levou a tornar-se um dos pivôs do surgimento do heavy metal, embora Plant já tenha declarado injusta a taxação do grupo como heavy metal, já que aproximadamente um terço de sua música era acústica. No final dos anos 60 e início dos anos 70, a palavra heavy metal tinha uma conotação pejorativa, o que fez com que os artistas rotulados como heavy metal preferissem outros nomes como heavy rock, ou simplesmente rock and roll. O imediato sucesso do primeiro disco foi o pontapé de saída para a carreira da banda, especialmente nos Estados Unidos, onde eles haveriam de atuar frequentemente, e onde as vendas de seus discos foram suplantadas apenas pelos Beatles.
O álbum foi gravado em outubro de 1968, no Olympic Studios, em Londres, e lançado pela Atlantic Records em 12 de janeiro de 1969. O álbum foi criado e produzido por todos os quatro integrantes do grupo e estabeleceu a difusão entre blues e o rock. A banda também criou um grande número de seguidores e devotados, com suas próprias canções de hard rock e som agradável; para eles, uma parte da contracultura em ambos os lados do Atlântico.
Inicialmente, o álbum tinha sido negativamente recebido pela crítica, mas foi muito bem sucedido comercialmente e, ao longo dos anos, passou a ser aclamado mundialmente, sendo considerado um dos maiores álbuns de todos os tempos: o 29º melhor álbum de todos os tempos pela revista Rolling Stone. Aparece também na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame.
Em seu primeiro ano, o Led Zeppelin completou quatro turnês nos Estados Unidos e Reino Unido, a banda aproveitou ainda para lançar seu segundo álbum, chamado simplesmente Led Zeppelin II, seguindo o mesmo estilo, e incluía o sucesso "Whole Lotta Love", que, conduzido pela secção rítmica, definia o som da banda. Gravado quase que inteiramente na estrada em vários estúdios norte-americanos, foi um sucesso comercial ainda maior do que o primeiro álbum e alcançou a posição número um nas tabelas dos Estados Unidos e do Reino Unido. O álbum tinha mais idéias desenvolvidas e estabelecidas do que o álbum de estréia, criando uma obra com um som direto que era "pesado e duro, brutal e direto" e que seria altamente influente e frequentemente imitado. Steve Waksman sugeriu que Led Zeppelin II foi "o ponto de partida para a música de heavy metal".
Led Zeppelin II promoveu a temas líricos estabelecidas no seu álbum de estreia, criando uma obra que se tornou mais amplamente aclamado e influente que o seu antecessor. Com elementos de blues e música popular estilo em evolução, que também exibe a faixa de material musical de blues e seus derivados e riffs de guitarra baseado no som. É um dos álbuns mais pesados da banda.
No seu lançamento, Led Zeppelin II ganhou uma quantidade considerável de vendas e foi o primeiro álbum do Led Zeppelin a entrar para alcançar o número um no Reino Unido e Estados Unidos. Em 15 de Novembro de 1999, foi certificada 12x platina pela RIAA (Recording Industry Association of America) por vendas superiores a 12 milhões de cópias. Após a sua recepção inicial, ele foi reconhecido por escritores e críticos de música como um dos maiores álbuns de rock mais influentes e já registrado, entrando também na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame.
Page e Plant, como outros músicos de rock do cenário inglês, tinham uma formação fortemente enraizada no blues. Assim, o primeiro álbum do Led Zeppelin continha muitas releituras de músicas de blues. Porém, os créditos vinham para os músicos da banda. A história se repete com "Whole Lotta Love", que apresenta grandes semelhanças com "You need Love", de Willie Dixon. A banda foi depois acusada de ter usado as letras sem as creditarem a Dixon, e só 15 anos depois, devido a um processo posto pela Chess Records, foi feito um acordo e efectuado o pagamento devido, com Willie Dixon sendo creditado nas devidas músicas. Por fim, Dixon acabou se tornando amigo de Page e Plant.
A banda também gostava do rock and roll estadunidense, tocando, por diversas vezes, músicas de Elvis Presley e Eddie Cochran em seus shows. As performances ao vivo do Led Zeppelin, com frequência, alcançavam 2 horas ou mais de duração, e em alguns casos, como no "Texas Pop Festival" de 1969, a banda chegou a tocar por 4 horas seguidas.
Para a gravação do seu terceiro álbum, Led Zeppelin III em 1970, a banda retirou-se para "Bron-Yr-Aur", uma cabana remota em Snowdonia, no País de Gales, sem electricidade ou água encanada. Isto resultou num som mais acústico, o que gerou algumas críticas negativas na época.
Em Novembro de 1970, a Atlantic Records editou "Immigrant Song" em single, sem a autorização da banda e contra a sua vontade. Incluía no lado B "Hey Hey What Can I Do". Foram editados mais nove singles, sempre sem a autorização da banda, que via os seus álbuns como indivisíveis. A frustração da banda em relação aos singles provinha do seu empresário Peter Grant, que era um acérrimo defensor dos álbuns - e também devido ao fato de a gravadora Atlantic ter feito uma reedição de "Whole Lotta Love", que foi cortada de 5:43 para 3:10 minutos. Para além disso, a banda sempre evitou aparecer na televisão, preferindo que os seus fãs os vissem ao vivo.


"maior banda do mundo" (1971-75)
As várias tendências musicais do grupo foram fundidas no seu quarto álbum, que não possui qualquer título oficial mencionado na capa e é habitualmente designado de Led Zeppelin IV, na linha dos três anteriores registros da banda. Os catálogos da Atlantic Records costumam chamar de ZoSo, Four Symbols (Quatro Símbolos) e The Fourth Album (O Quarto Álbum). O guitarrista dos Led Zeppelin, Jimmy Page, frequentemente refere-se ao álbum em entrevistas como Led Zeppelin IV, enquanto que o vocalista Robert Plant designa-o de "o quarto álbum, mais nada".
Não apenas o álbum não tinha nome, mas o nome da banda também não aparecia em sua capa. O álbum incluía faixas como "Black Dog", o misticismo folk de "The Battle of Evermore" (cuja letra foi inspirada em "O Senhor dos Anéis") e a combinação dos dois estilos em "Stairway to Heaven", um sucesso estrondoso nas rádios, aclamada por muitos como sendo o maior clássico do rock de todos os tempos, e acabou sendo editada como single sem a autorização da banda. O álbum contém ainda uma memorável regravação de "When the Levee Breaks" de Memphis Minnie.
O álbum liderou as paradas, e subsequente a turnê de concertos da América do Norte do Led Zeppelin em 1973 bateu recordes de atendimento, como eles sempre cheios de grandes auditórios e estádios. No Tampa Stadium, em Flórida, eles tocaram para 56.800 fãs (quebrando o recorde estabelecido por The Beatles no Shea Stadium em 1965), e arrecadou 309.000 dólares.
É um dos álbuns mais vendidos da história, com mais de 23 milhões de cópias vendidas somente nos Estados Unidos, e da sua enorme popularidade cimentou o status de superstars do Led Zeppelin na década de 1970. As vendas a nível mundial estimam-se para cerca de 37 milhões de cópias, sendo outro álbum que está presente na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame.
O álbum seguinte, Houses of the Holy, lançado em 1973, continha músicas mais longas e experimentais, com o uso de sintetizadores e arranjos de cordas feitos por Jones em músicas como "The Song Remains the Same", "No Quarter" e "D'yer Mak'er". Esse álbum bateu os recordes de audiência, tendo chegado ser ouvido por mais de 50 mil pessoas. Três concertos no Madison Square Garden foram filmados para a realização de um filme, mas o projecto foi adiado por vários anos.
O álbum marca uma mudança no estilo do som da banda. Os riffs de guitarra se tornaram mais trabalhosos, com tecnicas e influências do blues. Mesmo assim não deixou de ser mais um excelente trabalho da banda, tendo sido outros sucesso de vendas no mundo, além de ser considerado o 149º melhor álbum de todos os tempos pela Rolling Stone.
Foi o último álbum lançado pela Atlantic Records, pois em 1974 o quarteto lançou seu próprio selo, a Swan Song Records. Swan Song era o título de uma música do Led Zeppelin que nunca foi lançada, tendo sido gravada posteriormente com o nome "Midnight Moonlight" no primeiro álbum dos "The Firm", banda criada por Page após o fim do Led Zeppelin. Além dos álbuns do próprio Led Zeppelin a "Swan Song" editou álbuns de Bad Company, Pretty Things, Maggie Bell, Detective, Dave Edmunds, Midnight Flyer, Sad Café e Wildlife.
Em 1975, foi lançado Physical Graffiti, o primeiro álbum duplo para a Swan Song. Este álbum incluía músicas que sobraram dos 3 álbuns anteriores e mais algumas novas. Mais uma vez a banda mostrou a sua enorme diversidade de estilos, que iam do folk e rock progressivo ao heavy metal.
Pouco tempo depois do lançamento de Physical Graffiti toda a produção anterior do Led Zeppelin atingiu a lista dos 200 mais vendidos, o que nunca tinha sido visto anteriormente. A banda embarcou para mais uma turnê pelos Estados Unidos, batendo novos recordes de audiência. No fim do ano, tocaram 5 noites seguidas no Earl’s Court (esses concertos foram gravados em vídeo e editados apenas 28 anos depois em DVD). Nessa altura, no pico da sua carreira, eram considerados por muitos como a "A Maior Banda De Rock Do Mundo".
Se a popularidade da banda em palco era impressionante, a sua fama pelos excessos era ainda maior. Eles viajavam num jato particular, alugavam pisos inteiros de hotéis, e tornaram-se objecto de algumas das histórias mais famosas, envolvendo danos materiais a quartos de hotel, aventuras sexuais, abuso de drogas e culto à magia negra.


Hiato de turismo e o retorno (1975-77)
Em 1976, a banda fez um intervalo nas turnês e começou a filmar segmentos fantásticos para o filme ainda não editado. Durante esse intervalo, Robert Plant quebrou um tornozelo num acidente de carro; impedidos de fazer concertos, a banda entrou em estúdio para gravar o seu sétimo álbum, Presence. O álbum conquistou disco de platina antes de chegar às lojas, algo inédito para a época, e marcou mais uma guinada no estilo da banda, que abandonou os arranjos complexos dos álbuns anteriores se afastando gradativamente do heavy metal. Mas o pior para Plant ainda estava por vir: durante a turnê do álbum nos Estados Unidos, seu filho Karac morreu de uma infecção estomacal.
No final de 1976, sai finalmente o filme The Song Remains the Same e a sua trilha sonora. Embora a gravação do concerto datasse de 1973, esse seria o único documento filmado do grupo lançado oficialmente durante os 20 anos seguintes. Uma curiosidade sobre a trilha sonora desse filme é que o "setlist" do concerto do filme não coincidia com as músicas no álbum: algumas músicas do filme não apareceram no álbum e vice-versa. Esse álbum seria o único disco ao vivo oficial disponível, até a edição de BBC Sessions em 1997.
Em 1977, o Led Zeppelin embarcou em outra turnê norte americana. A banda registrou outro recorde de público em 30 de abril com 76.229 pessoas no Pontiac Silverdome. Foi de acordo com o Guinness World Records, o maior show para com um público no ano.
Em 1978, a banda voltou ao estúdio para as gravações de In Through the Out Door, álbum lançado em 20 de agosto, aniversário de Robert Plant. Esse álbum continha "All My Love", dedicada a Karac, seu filho. Agora eram 8 discos no Top 200 da Billboard e shows com ingressos esgotados por todos os lados, provando que o Led Zeppelin ainda era uma banda forte. Embora o Led Zeppelin nessa época já fosse considerada uma banda antiga, eles ainda arregimentavam uma enorme legião de fãs, tendo esse álbum chegado ao topo da lista dos mais vendidos, tanto no Reino Unido como nos Estados Unidos. No entanto há que se notar que o Led Zeppelin desde o álbum Presence e então com In Through the Out Door começava uma série de experimentações que estavam deixando meio de lado o heavy metal que eles ajudaram a criar, seus riffs já não eram tão pesados e marcantes. In Through the Out Door foi um disco onde John Paul Jones e Robert Plant assumiram muito do controle criativo da banda. Jones maravilhado com a aquisição de novos teclados Yamaha acabou por levar a banda para um lado mais progressivo. Nessa época o Reino Unido vivia a ascensão do Punk Rock e o Led Zeppelin estava cada vez mais distante de seu famoso som inicial, que era chamado pejorativamente de dinossauro pelos punks ingleses. Esse tipo de referência pejorativa que os garotos punks faziam ao Zeppelin, somados aos excessos de Jones e Plant nas gravações levaram John Bonham a demonstrar seu descontentamento com o referido disco. Em um pub inglês ele chegou a comentar com Jimmy Page que eles dois (Bonham e Page) deveriam assumir o controle da banda após In Through the Out Door e lançarem um disco pesado para dar combate ao então punk rock inglês, contudo esse fato nunca chegou a se concretizar devido a morte de Bonham em 1980.


Morte de Bonham e o fim (1978-1980)
Em novembro de 1978 o grupo gravou na Polar Studios em Estocolmo, na Suécia. O álbum resultante, In Through the Out Door, exibiu a experimentação sonora que novamente chamou reações mistas dos críticos. No entanto, o álbum alcançou o número um no Reino Unido e os Estados Unidos em apenas uma semana o seu segundo no Billboard album chart. Com o lançamento deste álbum, o catálogo inteiro do Led Zeppelin voltou ao Billboard Top 200 nas semanas de 27 de Outubro e 3 de Novembro de 1979.
Em agosto de 1979, depois de dois shows de aquecimento em Copenhague, Led Zeppelin anunciou dois concertos no Festival de Música de Knebworth, tocando para cerca de 104 mil pessoas na primeira noite. Uma breve e discreta turnê européia foi realizada entre Junho e Julho de 1980, com um conjunto despojado sem os longos e habituais e solos e congestionamentos. Em 27 de junho, em um show em Nuremberg, na Alemanha, o concerto veio a uma parada abrupta no meio da terceira música, quando Bonham teve um colapso no palco e foi levado às pressas para o hospital. A especulação na imprensa sugeriu que seu colapso teve sido o resultado de consumo excessivo de álcool e uso de drogas, mas a banda afirmou que ele simplesmente comeu demais.
Em 24 de outubro de 1980, Bonham foi pego pelo assistente do Led Zeppelin Rex King para assistir aos ensaios no Bray Studios. Durante a viagem Bonham pediu para parar para o café da manhã, onde ele bebeu quatro vodkas quádruplas com um pedaço de presunto. Ele continuou a beber muito quando ele chegou ao estúdio. Os ensaios foram interrompidos na tarde daquela noite, e a banda se retirou para a casa Old Mill de Page em Clewer, Windsor. Uma autópsia não encontrou outras drogas no corpo de Bonham. Bonham foi cremado em 10 de outubro de 1980, e suas cinzas enterradas na igreja paroquial de Rushock em Droitwich, Worcestershire.
Em 25 de setembro de 1980, John Bonham foi dado como morto asfixiado por seu próprio vômito em um quarto da mansão de Jimmy Page. Sua morte serviu para dar fim à carreira do Led Zeppelin. A banda se preparava para uma série de turnês pelos Estados Unidos e ensaiava, mas, após esse incidente, a banda foi desfeita rapidamente, pois não haveria mais condições de continuar com o nome Led Zeppelin


Pós-fim
O primeiro projeto pós-Led Zeppelin da banda foi o The Honeydrippers, um grupo formado por Jimmy Page e Robert Plant, junto aos guitarristas Jeff Beck, Paul Shaffer, e Nile Rodgers. Plant cantava na banda com um estilo diferente do Led Zeppelin, em um gênero mais R&B, com destaque para o cover de "Sea of Love", que alcançou a posição número três nas paradas da Billboard no início de 1985.
Dois anos após a morte de John Bonham, a banda editou Coda, uma coleção de músicas não-editadas, inicialmente tocadas em um concerto da banda no Royal Albert Hall, em 1970, cada secção a partir do Led Zeppelin III até Houses of the Holy, o álbum póstumo contava ainda com um som instrumental de tambor de John Bonham de 1976, chamado de "Bonzo's Montreux".
Em 13 de Julho de 1985, o Led Zeppelin reuniu-se para o concerto Live Aid, com Tony Thompson e Phil Collins na bateria. Um ano depois Page, Plant e Jones voltam a reunir-se com Tony Thompson, com o intuito de voltarem a tocar como Led Zeppelin, mas um grave acidente de carro envolvendo Thompson, pôs fim a esta intenção. Eles voltaram a se reunir 1988, com Jason Bonham no lugar que foi de seu pai, para o 40º aniversário da Atlantic Records. Esta formação ainda voltou a tocar no 21º aniversário da filha de Bonham, Cármen, e no casamento de Jason.
Page e Plant, sem Jones, voltaram a reunir-se em 1994 para contribuir para a série "Unplugged", da MTV, intitulado "No Quarter". Jones não gostou de não ter sido chamado para essa gravação, especialmente porque o título do álbum, "No Quarter", vem de uma música de mesmo nome, que contém muito de seu trabalho. O estresse entre ele e Page e Plant foi ainda mais agravado quando, em uma entrevista coletiva Plant disse que ele estava "estacionando o carro"
Em 1997, foi lançado o primeiro álbum do Led Zeppelin em 15 anos, BBC Sessions. Esse álbum duplo incluía a quase totalidade das gravações que a banda tinha feito para a BBC, embora alguns fãs tenham notado a falta de uma sessão de 1970 que incluía a música nunca editada "Sugar Mama". A essa altura, a "Atlantic" editou um single de "Whole Lotta Love", que se tornou o único single da banda.
Em 2003, foi lançado o álbum How the West Was Won e o DVD Led Zeppelin, um conjunto cronológico de seis horas de imagens ao vivo. No fim do ano, o DVD tinha vendido mais de 520 mil cópias, o DVD musical mais vendido da história.
Em 2006, a banda recebeu o Prêmio Polar de Música, um dos mais prestigiosos do mundo, como melhor banda de rock de todos os tempos.
No dia 10 de setembro de 2007, Jimmy Page, Robert Plant e John Paul Jones se reuniram em Londres e anunciaram seu retorno aos palcos em uma única apresentação para vinte mil pessoas em um show em homenagem a Ahmet Ertegun, fundador da Atlantic Records, morto em 2006. A renda da apresentação foi destinada a uma instituição que concede bolsas. Eles anunciaram ainda que, no dia 13 de novembro de 2007, seria lançado um novo CD intitulado Mothership, uma coletânea de canções escolhidas pela própria banda e com nova remasterização, para substituir as coletâneas Early Days e Latter Days lançadas anteriormente e que não foram consideradas com o "padrão de qualidade" do Led Zeppelin. O concerto foi realizado em 10 de dezembro de 2007, em Londres, e contou com a presença de Jason Bonham na bateria. Em 2008, Jimmy Page e John Paul Jones tocaram "Rock and Roll" e "Ramble On", junto com Dave Grohl e Taylor Hawkins, no DVD Foo Fighters Live at Wembley Stadium.
Em 7 de janeiro de 2009, o manager de Jimmy Page, Robert Mensch, declarou que os planos de reviver a banda foram abandonados.



Formação
Jimmy Page - guitarra
Robert Plant - vocais, harmônica, gaita
John Bonham - bateria
John Paul Jones - baixo, bandolim, teclados
A banda chamava ao seu empresário, Peter Grant, de o "quinto elemento"



Discografia
Led Zeppelin (1969)
Led Zeppelin II (1969)
Led Zeppelin III (1970)
Led Zeppelin IV (1971)
Houses of the Holy (1973)
Physical Graffiti (1975)
Presence (1976)
In Through the Out Door (1979)
Coda (1982)


CDs Promo
"Travelling Riverside Blues" (Outubro, 1990)
"Over the Hills and Far Away" (Agosto, 1991)
"Stairway to Heaven" (Novembro, 1991)
"Baby Come On Home" (Setembro, 1993)
"The Girl I Love She Got Long Black Wavy Hair" / Whole Lotta Led: Historical Medley (8 faixas medleying cada faixa do álbum single lançado pelo Led Zeppelin) (Agosto, 1997)
"Communication Breakdown" (versão BBC Sessions) (Outubro, 1997)
"Black Dog" (ao vivo) / "Immigrant Song" (ao vivo) / "Over the Hills and Far Away" (ao vivo) / "The Ocean" (ao vivo) / "Heartbreaker" (ao vivo) (Abril 2003)


Vídeos
The Song Remains the Same (1976)
Led Zeppelin (2003)


Fonte: Wikipédia  






15.12.12

Curiosidades sobre os cães



Os cães pertencem à família dos canídeos, a mesma do lobo, da raposa, do coiote, do chacal e do lobo-guará. Ao todo, existem 34 espécie de canídeos.


Os cães escutam melhor que os humanos. Eles conseguem ouvir um som a uma distância quatro vezes maior do que somos capazes .


Os cães não enxergam algumas cores. Eles enxergam em azul, amarelo e cinza. Não conseguem diferenciar as cores verde e vermelho. 


Os cães suam através das patas e do focinho . 


Os cães são mais suscetíveis a atacar um estranho que esteja correndo, do que um que esteja parado . 


A maior ninhada canina ocorreu em 1944, quando uma American Foxhound teve 24 filhotes. 


Dar chocolates aos cães pode ser fatal para eles. Um ingrediente do chocolate, a teobromina, estimula o sistema nervoso central e o músculo 
Cerca de 1 kg de chocolate de leite, ou apenas 146 gramas de chocolate de culinária, servem para matar um cão de 22 kg . 


Os pastores australianos são os cães mais espertos do mundo. 


Os cães selvagens que vivem em manadas na Austrália são chamados Dingos. 


O olfato dos cães é dos melhores da natureza. Se desdobrássemos e estendêssemos as membranas que se situam no nariz dos cães, elas seriam maiores do que o próprio cão. 


Se um cão tiver a cauda erguida, é um sinal de dominância. Significa que é o líder da matilha.


Os cães têm cerca de 100 expressões faciais e a maior parte delas é feita com as orelhas. Os Bulldogs e Pitbulls têm apenas 10. Por essa razão, eles são muitas vezes mal compreendidos pelos outros cães. 


Os americanos gastam mais dinheiro em comida de cão do que em comida de bebê. 


Dois cães sobreviveram ao naufrágio do Titanic. Escaparam nos primeiros botes salva-vidas, que levavam tão pouca gente que ninguém se importou que eles lá estivessem. 


Quando os cães têm dores de estômago, comem grama para vomitar.


Os cães machos urinam com muito mais frequência do que as cadelas. Isso porque a urina também age, em parte, como marcador de seu território.


Na hora da refeição, o cão é mais receptível a ensinamentos. Um filhote aprende mais rápido seu nome quando você o chama para se alimentar. 


A menor raça de cão é o Chihuahua cujo peso reconhecido se encontra entre 90 gramas até 2,75 kg.


As raças mais altas de cães são o Grand Danois, o Wolfhound Irlandês, o São Bernardo, o Mastim Inglês, o Borzoi e o Karabash da Anatólia (cão pastor turco). Todas essas raças podem chegar a 90 cm de altura.


O Museu da História Natural, na Cidade do México, possui um esqueleto de um Chihuhua que mede apenas 18 cm. Apesar de não estar citado o peso deste cão, apresentado em 1910, calcula-se que não poderia ter pesado mais de meio quilo.


Os cães da raça grandes têm um aparelho digestivo muito sensível. O menor stress pode causar amolecimento das fezes ou diarreias.


O segundo cão menor é o Yorkshire Terrier que, oficialmente, não deve pesar mais do que 3,20 kg, embora atualmente muitos “Yorkies” tendam a ser muito mais pesados.


O aparelho digestivo de um cão de raça pequena representa 7% de seu peso total, contra somente 2,7% para um cão de raça grande. 


O cão somente torna-se maduro ao atingir um ano e meio de vida, ou às vezes até mais.


O Greyhound é uma raça pura usada na caça desde o tempo dos Romanos.. Hoje em dia é criado de acordo com as linhas distintas para exposição.


Quando adulto um cão de raça pequena atinge 20 vezes o seu peso de nascimento, enquanto o cão de raça grande ou gigante poderá atingir 100 vezes.


Houve um cão que era tão leal ao dono que, quando este morreu, ele nunca saiu de perto da cama. Apenas saía para ir buscar comida e voltava para comer ao pé do dono, como era costume. O cão passou o resto dos seus dias ali. Quando morreu foi enterrado ao lado do dono.


O cão de guarda húngaro Kuvasz não é geneticamente um cão branco. O Kuvasz é um cão preto com pelo branco.


Geralmente, a boca de um cão tem menos bactérias e germes do que a boca de um humano.


Há mais de 52.6 milhões de cachorros nos Estados Unidos.


As raças mais velozes do mundo são greyhound (ou galgo inglês) e whippet (também inglês), uma “raça-miniatura” do primeiro. Eles são capazes de atingir incríveis 80 quilômetros por hora. A fama de corredor do greyhound fez da raça uma das preferidas para a caça e para a corrida de cachorros em muitos países. 


As raças de cães com a mordida mais forte são: mastin inglês, rottweiller e fila brasileiro. Eles tem a mandíbula mais curta e forte (que funcionam como alicates) e são normalmente usados como cães de guarda. 


Os cães mais inteligentes são, pela ordem: border collie (uma raça de pastoreio britânica), pastor alemão, poodle, golden retriever e dobermar pinsher. 


E as raças mais burras, quais são? Anote aí: afghan hound, basenji, buldogue, chow chow e borzoi. 


As raças mais altas são o são bernardo, o grand danois, o mastim inglês, o wolfhound irlandês, o borzoi e o karabash da Anatólia (uma espécie de cão pastor turco). Todas elas alcançam em média os 90 cm de altura.


O hábito de enterrar ossos e objetos, que são comuns a muitos cachorros, foi herdado de seus ancestrais lobos. Por uma questão de sobrevivência, os lobos costumam enterrar sobras de alimentos para os tempos de escassez de caça. 


O primeiro cão a ser enviado para o espaço foi uma cadelinha soviêtica chamada Laika. A viagem foi feita em 1957 e, infelizmente, não teve um final feliz: Laika não resistiu à viagem e morreu. 


O dobermann surgiu do cruzamento de quatro raças feitas pelo coletor de impostos alemão Karl Friedrich Dobermann (1834-1894). Na certa, ele queria se defender dos furiosos devedores. 


O rottweiller é uma raça mais antiga do que se imagina. Só para se ter uma idéia, ele já era usado como cão de pastoreio pelas legiões romanas. 


Na China, o chow chow é usado como cão de caça e o sharpei como cão de lutas (rinhas).


Por que os cães costumam cheirar o rabo dos outros animais? Por causa de uma glândula na região do ânus que identifica cada animal. O odor serve como uma espécie de impressão digital que fornecem informações sobre o bicho. 


O cães riem? A pesquisadora norte-americana Patricia Simonte acredita que sim. Segundo ela, a respiração ofegante típica dos momentos de agitação é uma manifestação de que o animal está satisfeito e alegre. Em outras palavras, quer dizer que o cão está rindo. 


Como saber se um cão está com medo? Simples, eles colocam o rabo no meio das pernas. Caso isso aconteça, é melhor tomar cuidado. Qualquer movimento brusco pode fazer o animal revidar e atacar. 


Como saber se o cão é amistoso? Mais simples ainda: quando ele abana o rabo de modo relaxado e continuo. 


Como um cachorro demostra submissão? Virando de barriga para cima. 


E a lambida, qual o significado dela? Lamber um animal da própria espécie é um gesto de reverência. O animal está dizendo que gosta do outro. Os cães acabaram reservando esse gesto também para os seres humanos. 


Cães de orelhas grandes, caídas e peludas tem mais chances de desenvolver otites (inflamação nos ouvidos), do que cães com orelhas pequenas e/ou eretas. 


Doenças humanas que também são comuns nos cães: diabetes, derrame, catarata, hepatite, hipertireoidismo e outras. 


As raças de cães mais populares na cidade de São Paulo são pitbull, pinscher, poodle e… o campeão, com 15% das preferências: vira-lata. 


Os cães mais famosos da ficção (quadrinhos, desenhos animados e filmes) são: Pluto, Banzé, Bidu, Idéiafix (o cãozinho de Obelix), Lassie, Rin-tin-tin, Snoopy, Milu (de As Aventuras de Tim-Tim), Floquinho e os 101 Dálmatas.



extraído do Blog Korvo Maluco